2186312802.8dd5717.d65d18afe0914f108c7e69cda99eeb40

Como construir em períodos de chuva?

Construir em períodos de chuva é um desafio para qualquer um. Os prejuízos financeiros com o desperdício de tempo e de insumos também batem à porta toda vez que São Pedro resolve abrir a torneira. Por isso é importante que toda obra possua um planejamento bem estruturado com um cronograma que leve em consideração as variações climáticas.

O ideal seria planejar a obra para o período de estiagem. Mas nem sempre isso é possível, especialmente em um país tropical como o Brasil, com condições climáticas cada vez mais instáveis. Ainda assim, é possível se prevenir, criando um calendário mais seguro e adequado a cada estação.

Separamos algumas dicas  que podem te ajudar na hora de construir em períodos de chuva:

 

Levantamento Pluviométrico

Coletar os dados pluviométricos, ou seja, o histórico e a previsão de chuvas na região é fundamental. Isso pode ser realizado por meio de agências meteorológicas ou em sites especializados na internet. Mas é muito importante, também, levar em consideração a experiência dos responsáveis pela obra, especialmente aqueles que já têm experiência em outros projetos na região.

Previsão do Tempo

Acompanhar a previsão do tempo diariamente pode evitar surpresas. Previsões com até 24 horas de antecipação tem cerca de 97% de índice de acerto. O planejamento de médio prazo é importante mas adaptações podem ser feitas diariamente visando o bom andamento da obra.

Compatibilidade das Tarefas

Determinadas fases de uma obra podem ser mais afetadas pela chuva que outras. Na hora de elaborar o planejamento é importante que isso seja observado. A terraplanagem, as escavações e a fundação sofrem muito com o excesso de água, podendo colocar em risco, inclusive, os funcionários da obra. Por outro lado, fases como o acabamento interno, sofrem menos. Na hora de montar o calendário da obra, pense na compatibilidade de cada etapa com o clima.

Tenha Sempre um ‘Plano B’

A previsão do tempo pode errar. Aliás, é mais seguro dizer que, eventualmente, ela vai falhar. Por isso é importante ter sempre um plano secundário que minimize os prejuízos e os atrasos na obra. É possível, por exemplo, alterar o cronograma daquele dia, caso uma chuva não esperada resolva aparecer. Mas para isso você precisa ter a equipe de trabalhadores preparada e os equipamentos à mão. Assim será possível deslocar os trabalhos para uma área não afetada pela chuva.

Segurança em Primeiro Lugar

Nunca coloque a ansiedade ou a economia financeira à frente da segurança da obras. Construir em períodos de chuva não só reduz a produtividade da equipe como pode, também, colocar em risco a integridade dos equipamentos e do pessoal no canteiro. Avalie muito bem cada situação e, se necessário, pare a obra.
E lembre-se: toda obra precisa de um engenheiro civil. É ele quem deve ser o responsável pelo projeto. Sempre consulte-o antes de tomar quaisquer decisões. Mas quanto mais bem informado você estiver, mais fácil será construir o projeto dos seus sonhos.

__

Comments (1):

Comments are closed.